Autismo, evolução dentro de casa

Best Practices April 27, 2022

Sou mãe de uma criança diagnosticada com autismo. É comum que as crianças no espectro apresentem atrasos no desenvolvimento e por isso é também o papel como pais trabalhar com eles em casa para potencializar as terapias. Seguem algumas dicas que os pais podem usar em casa e que podem contribuir com o trabalho realizado pelos professores em sala de aula:

  1. Converse muito com seu filho. Desde bebê fale o que está fazendo, fale as cores, mostre os animais e seus sons, frutas, atividades do dia a dia e tudo que puder. A criança aprende desde o útero e precisamos aproveitar cada oportunidade.
  2. Demonstre amor através das palavras. Gritaria, palavras de baixo calão não são bem-vindas em um lar. Edifique seu lar com a voz, falar sempre com amor, atenção, leveza, palavras positivas, são atitudes que sua criança vai copiar.
  3. Olho no olho é essencial. Falar e mostrar algo de longe não é o ideal. A criança presta atenção em acontecimentos próximos a ela. Se for possível abaixar e falar olhando fixo em seus olhos, na mesma altura é melhor ainda e a probabilidade de a criança atender a sua demanda é maior.
  4. Faça o culto familiar todos os dias. Ter um momento de paz, com louvores ideais para a idade, com abertura para que o pequeno se expresse sem julgamentos, com historinha bíblica e oração faz toda diferença na família toda.
  5. Pratique exercícios físicos. É importante que a criança se mexa, e fazer isso com a família é melhor ainda. Pode ser uma ida ao parquinho, um futebol na área de casa, banho de mangueira…. Ar puro, movimento e família unida é uma dica de ouro.
  6. Separe um momento para atividades direcionadas. Brincadeiras, pinturas, jogos, músicas, pipa, cantiga de roda, brincadeiras que fazíamos na infância e hoje não vemos mais. Na internet você encontra dicas que podem te inspirar e ajudar.
  7. Inclua a criança nas atividades domésticas desde bebê. Ajudar a lavar uma área, lavar e secar louça, arrumar a cama, guardar o brinquedo, lavar o box do banheiro… Essa lista é enorme, assim como as atividades de uma mãe.
  8. Faça uma boa rotina do sono. Seguir uma ordem para dormir pode parecer algo simples, no entanto é fundamental para que todas as outras atividades sejam realizadas com sucesso. A ordem é você quem monta, mas lembre-se de demonstrar carinho, brigas na hora de dormir devem estar fora da sua ordem.
  9. Refeições em família. Monte um cardápio para ter uma ideia dos nutrientes que está oferecendo ou deixando de oferecer, monte uma mesa bonita, mesmo que seja simples e comam todos juntos pelo menos uma vez ao dia. Com isso a criança irá se sentir mais confiante e comerá melhor.
  10. Entregue nas mãos de Deus a sua família e faça o seu melhor!

Essas são as 10 principais dicas que tenho para te dar. Mesmo com uma vida corrida é possível incluir essas atividades e transformar o lar em um pedacinho do Céu e fazer com o que o desenvolvimento do filho desenvolva cada vez mais. Como professor, você pode orientar os pais para seguir essas dicas em casa.

Este artigo é o penúltimo (quinto) de uma série de seis. Leia os demais artigos da série:

1. Autismo, você está pronto para ele?

2. Autismo, qual o próximo passo?

3. Autismo: medicamentos ou terapias?

4. Autismo e a escola

6. Autismo e o papel do professor

Author

Elisa é graduada em Música pelo Centro Universitário Adventista de São Paulo (UNASP-EC), Pós Graduada em Musicoterapia pela UniAmérica e Especialista em Autismo pelo Child Behavior Institute (CBI) of Miami, atuando na área desde 2012. Mora atualmente em Gurupi – Tocantins, Brasil. É casada com o pastor Renan Souza e mãe do Hullen e da Rebeca.

    1 comments

  • | April 28, 2022 at 10:14 am

    Nossa, maravilhoso! Serve também pra crianças sem autismo né? Amei demais, parabéns a essa profissional.

Leave a Comment

Your email address will not be published.